8 técnicas matadoras para memorizar qualquer coisa

Fonte: super.abril.com.br

O excesso de estímulos não é a única razão pela qual estamos ficando cada vez mais esquecidos, afirma Renato Alves, primeiro brasileiro a receber homologação oficial de Melhor Memória do Brasil pelo Guinness Book.

Em seu livro Faça seu cérebro trabalhar por você (Editora Gente), o campeão de memorização defende que o problema também está ligado a uma dependência cada vez maior da tecnologia, que substitui recordações naturais por artificiais.

“Quem nunca teve um HD de computador queimado com todos aqueles documentos, fotos, arquivos importantes, ou um celular sem bateria quando precisava consultar urgentemente um contato?”, escreve ele no livro.

A melhor forma de reconquistar a capacidade de reter informações “organicamente” é apostar numa rotina saudável e em exercícios frequentes para o cérebro. Mas existem alguns macetes que podem facilitar esse processo.

Os chamados métodos mneumônicos são dispositivos práticos para expandir a capacidade de memorização no cotidiano. Segundo Alves, o ideal é que o método seja fácil de usar: ele não deve exigir horas de treinamento ou associações mentais acrobáticas.

Nesta galeria, reunimos 8 técnicas simples que facilitam a memorização de fatos, nomes, datas, listas e outros elementos do dia a dia. Confira:

1. Construa um “palácio da memória”

2. Invente acrônimos, acrósticos e encadeamentos

3. Faça conexões entre informações novas e velhas

4. Explore o seu próprio humor

5. Aposte em associações visuais

6. Escreva o que você precisa lembrar (com papel e caneta)

7. Reflita por 15 minutos e alimente um diário

8. Repita, repita, repita


O Gran Cursos Online, em parceria inédita com a Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal e sua Escola Nacional dos Delegados de Polícia Federal (EADelta), elaborou e têm a grata satisfação em informar à comunidade jurídica adepta a concurso público, mormente para a carreira de Delegado de Polícia, que estão abertas as matrículas para os cursos preparatórios para Delegado de Policia Federal e Delegado de Policia Civil dos Estados e DF, com corpo docente formado em sua maioria por Delegados de Polícia Federal e Civil, mestres e doutores em Direito, com obras publicadas no meio editorial, além do material didático. Não perca a oportunidade de se preparar com quem mais aprova em cursos há 27 anos. Matricule-se agora mesmo!

Matricule-se!

Mais de Coordenação Projeto Vou Ser Delta

Edital PC RR: Justiça cancela concurso com 330 vagas!

Edital PC RR ofertava 330 vagas distribuídas entre nove cargos! O concurso...
Leia mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *